Qual o papel e as técnicas para imprimir cartões de visita?

Confira quais são os principais papéis usados pelas gráficas para imprimir um cartão de visita e os recursos para deixar o seu cartão diferenciado.

como imprimir cartao e qual papel indicado

Papel couchê / couché

O papel couchê tem uma característica que dá aspecto mais brilhante ao papel. Este revestimento é próprio para deixar a superfície do cartão mais lisa e uniforme e, pode ser aplicada tanto na frente quanto no verso do cartão de visita.

Esse papel é é muito utilizado em impressões de alta qualidade, indicado para panfletos e cartões de visita.

Papel couchê fosco

O papel couchê fosco absorve mais luz, deixando a cor mais pura e conferindo ao cartão de visita um ar de sofisticação. Papel indicado também para panfletos e cartões de visita.

Papel reciclado

Como o nome já diz, o papel é reciclado. É um papel constituindo de 50% de papéis aparas (sobra de papel), sem impressão. O restante varia de 20-50% de papéis impressos reciclados pós-consumo, variando de acordo com o efeito que se deseja obter.

Todos os papéis oferecem uma variedade muito grande de cores e textura, proporcionando ao cliente um resultado diferenciado dos papéis frequentemente utilizado. Ótimo para cartão de visita e panfleto.

Gramatura

Normalmente, o peso de um material impresso varia de 50 a 350 gramas.

Quanto maior a gramatura, mais grossa é a folha, maior peso terá o impresso, maior opacidade (ou seja, a folha é menos “transparente”) e maior o custo, já um papel de gramatura excessivamente baixa é bem mais barato e poderá fazer com que o material seja por demais maleável, comprometendo a apresentação e a futura conservação.

Por exemplo, 50 gramas é um papel mais fino e portanto, o 350 gramas será o papel mais grosso. Isto define o peso e o volume do seu impresso final. O peso influencia no preço da impressão.

180 gramas

Gramatura usada em cartolinas e cartões de visita caseiros, de menor qualidade. A maior gramatura que impressoras domésticas trabalham (com raras exceções).

210 a 300 gramas

Gramatura usada na impressão de bons cartões de visita e panfletos, calendários, capas de livros e revistas.

Acabamentos

As gráficas oferecem alguns tipos de acabamento para seus clientes. Entretanto, algumas pessoas não
conseguem diferenciar bem como são estes acabamentos.

Acabamentos mais comuns

O acabamento mais comum é o refile ou corte. Necessariamente seu material precisa ser cortado, não sendo nem citado em orçamentos. Mas existem outros acabamentos que são opcionais aos clientes.

Os principais são:

  • Laminação (brilho)
  • Laminação fosca
  • Verniz
  • Verniz UV localizado
  • Bordas arredondadas

Laminação

Este acabamento pode ser aplicado em produtos com papel grosso, como cartão de visita.

A vantagem da laminação é o aumento da durabilidade do cartão e um acabamento de brilho na impressão, realçando as cores. A desvantagem é que não pode curvar o cartão, pois as características térmicas do plástico e do papel são diferentes, provocando uma tensão entre os mesmos.

Laminação fosca

É muito similar à laminação comum, só que não apresenta brilho e tem toque com uma característica aveludada.

É usado basicamente para proteger o cartão de visita e dar uma sensação tátil ao impresso. Tem alto custo de produção.

Verniz

O verniz tem a mesma função da laminação, sendo usado normalmente um ou outro. Sua função básica é proteger o impresso e dar brilho. É um tipo de acabamento que pode ser usado em produtos de baixa gramatura (panfletos) até nos de alta gramatura (cartões de visita).

Veja também:  Como fazer seu próprio cartão de visita

O ponto positivo é a beleza do impresso. A negativa é a durabilidade um pouco inferior em relação com a laminação.

Verniz UV localizado

Este processo é usado normalmente associado à laminação fosca.

Como resultado, tem-se um material com o toque da laminação fosca e o brilho somente nas partes selecionadas. Alto custo de produção!

Os produtos top de linha do mercado são oferecidos com laminação fosca e verniz UV localizado.

Cores dos cartões de visita

Ao acessar os sites das gráficas, você certamente irá se deparar com esses números: 4×0 / 4×1 ou 4×4. Entenda o que quer dizer esses números:

4×0

Quer dizer que o cartão de visita é colorido na frente e o verso não tem impressão.

4×1

Aqui, o cartão de visita é colorido na frente e no verso tem apenas uma cor.

4×4

Já aqui, o cartão de visita é colorido na frente e no verso!

Resumidamente, o número 4 representa o modelo de cores CMYK: cyan (ciano), magenta (magenta), yellow (amarelo) e key plate (preto). A união e o conjunto das 4 cores CMYK é denominada POLICROMIA.

Os tamanhos padrões para imprimir seu cartão de visita são:

  • 90 x 50 milímetros ou 9 x 5 centímetros (padrão brasileiro, mais largo)
  • 80 x 50 milímetros ou 8 x 5 centímetros (padrão americano – cartão de crédito)

Fechamento da arte do cartão de visita

Para fechar a arte do nosso cartão de visita, vamos usar o Corel Draw.

Converter em curvas

Nessa parte, vamos converter toda arte em curva, para isso, selecione todos os objetos da arte e aperte CRTL+Q, as duas teclas ao mesmo tempo, ou, clique com o botão direito do mouse e clique em “Converter em curvas”.

Tamanho

Observe se o tamanho da sua arte está no tamanho em que a gráfica está pedindo. Basta observarmos o tamanho do objeto e redimensionar até ficar do tamanho correto.

RGB para CMYK

As gráficas usam o formato de cor CMYK para imprimir os materiais, portanto, antes de enviar a arte do seu cartão de visita para a gráfica, verifique se ela está toda em CMYK.

Abra o arquivo da arte gráfica no Corel Draw, vá em Editar (segundo item do menu superior), depois em Localizar e substituir (último item do menu suspenso), agora em Substituir objetos. Irá abrir uma janela “Assistente de substituição”, marque a opção Substituir um modelo ou paleta de cores e clique em Avançar. Marque a segunda opção, Localizar modelo de cores escolhendo a opção RGB e clique em concluir. Agora, pra finalizar, clique em “Substituir tudo”.

Parece complicado, mas é bem simples, pode acreditar!

Esse processo irá substituir as cores RGB para o modelo de cores CMYK.

Salvar em PDF/X-1A

No Corel Draw, vá em Arquivo, depois em Publicar em PDF, em Predefinição de PDF, escolha a opção: PDF/X-1A.

Agora seu cartão de visita está pronto para ser impresso por qualquer gráfica!

Compartilhe:

Deixe uma resposta